Auditor Independence: An Independent Auditor Never Makes “Mistrakes”

Amanda Inácio Inês, Leonardo Flach, Luísa Karam de Mattos

Abstract


This study aims to perform a systematic review of the scientific literature on the topic Independent Audit. The research method of this study was based on descriptive statistics, a sample of 32 full articles published in scientific journals national, and have been published in the period between 2008 to 2019. Accordingly, the results of this study show a summary of scientific literature on the topic Independent Audit and allowed to statistically summarize the state of the art scientific production carried out in recent years on the subject auditor independence. The results show research networks in the area, the most prolific authors, journals with the highest percentage of publications about independent audit, most applied methods, and major gaps.


Full Text:

PDF

References


Almeida, N. S., & Lemes, S. (2013). Evidências do Entendimento de Quatro Pronunciamentos Contábeis por Auditores Independentes do Brasil. Revista de Administração Contemporânea - RAC, 17(1), 83-105. https://doi.org/10.1590/S1415-65552013000100006

Assing, I., Vieira, R., & Alberton, L. (2010). Atendimento às Normas na Reavaliação de Ativos Imobilizados e nos Pareceres Emitidos por Auditoria Independente. RIC - Revista de Informação Contábil, 4(1), 1-20.

Bortolon, P. M., Neto, A. S., & Santos, T. B. (2013). Custos de Auditoria e Governança Corporativa. Revista Contabilidade e Finanças - USP, 24(61), 27-36. https://doi.org/10.1590/S1519-70772013000100004

Camargo, R. C. C. P., Camargo, R. V., Alberton, L., & Dutra, M. H. (2013). A percepção dos auditados em relação às competências comportamentais dos auditores Independentes: um estudo empírico na Região da Grande Florianópolis/SC. Revista de Contabilidade e Organizações, 7(18), 37-47. https://doi.org/10.11606/rco.v7i18.55303

Clivatti, A. S., Souza, M. A., Machado, D. G., & Silva, R. P. (2009). Auditoria Independente: Um estudo dos pareceres emitidos sobre demonstrações contábeis de empresas brasileiras listadas na B3 e na NYSE. Revisto Universo Contábil, 5(4), 44-62. https://doi.org/10.4270/ruc.2009430

Dantas, J. A., & Medeiros, O. R. (2015). Determinantes de Qualidade da Auditoria Independente em Bancos. Revista Contabilidade e Finanças - USP, 26(67), 43-56. https://doi.org/10.1590/1808-057x201400030

Dantas, J. A., Chaves, S. M. T., Silva, M. R., & Carvalho, R. P. (2011). Determinações de refazimento/republicação de demonstrações financeiras pela CVM: O papel dos auditores independentes. Revista Universo Contábil, 7(2), p. 45-64. https://doi.org/10.4270/ruc.2011212

Firmino, J. E., & Paulo, E. (2013). Aspectos Comportamentais no Julgamento Profissional dos Auditores Independentes. Revista Contabilidade, Gestão e Governança, 16(3), p. 17-40.

Hallak, R. T. P., & Silva, A. L. C. (2012). Determinantes das Despesas com Serviços de Auditoria e Consultoria Prestados pelo Auditor Independente no Brasil. Revista Contabilidade e Finanças - USP, 23(60), p. 223-231. https://doi.org/10.1590/S1519-70772012000300007

Ito, E. Y. H., Niyama, J. K., & Mendes, P. C. M. (2008). Controle de qualidade dos serviços de auditoria independente: Um estudo comparativo entre as normas brasileiras e as normas internacionais. Revista UnB Contábil, 11(1), 312-328.

Manes, A. G., & Flach, L. (2012). Revisão Sistemática da Produção Científica sobre Fraudes em Periódicos Internacionais de Contabilidade Indexados ao ISI e Scopus. Contabilidade Vista & Revista, 23(2), p. 163-189.

Santos, N. L., Martins, C. M. F., Martins, P. L., Neta, M. C. S., & Chain, C. P. (2013). Avaliação dos analistas de mercado sobre a relevância dos trabalhos dos auditores independentes na análise financeira das sociedades anônimas (S.A) de capital aberto. Revista Eletrônica de Administração (Online), 12(1), 2013.

Silvestre, A. O., Pereira, F. A., & Elkhatib, A. S. (2016). Auditoria Independente: Um estudo sobre o conteúdo dos relatórios das demonstrações contábeis dos clubes de futebol brasileiros. Revista de Contabilidade e Controladoria, 8(1), 90-107. https://doi.org/10.5380/rcc.v8i2.41270




DOI: https://doi.org/10.5296/jpag.v9i4.16169

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

Journal of Public Administration and Governance  ISSN 2161-7104

Copyright © Macrothink Institute

'Macrothink Institute' is a trademark of Macrothink Institute, Inc.

To make sure that you can receive messages from us, please add the 'macrothink.org' domain to your e-mail 'safe list'. If you do not receive e-mail in your 'inbox', check your 'bulk mail' or 'junk mail' folders.